home news forum careers events suppliers solutions markets expos directories catalogs resources advertise contacts
 
News Page

The news
and
beyond the news
Index of news sources
All Africa Asia/Pacific Europe Latin America Middle East North America
  Topics
  Species
Archives
News archive 1997-2008
 

Material genético brasileiro segue para depósito no Banco de Sementes da Noruega


Brazil
January 13, 2020


Foto: Katia Marsicano -
Photo: Foto: Katia Marsicano
 

O presidente da Embrapa, Celso Moretti, acompanhou no dia 10 de janeiro  a preparação da nova remessa de sementes que serão enviadas para o Banco Mundial de Sementes de Svalbard, na Noruega. São ao todo 3.037 acessos de arroz, 87 de milho, 119 de cebola, 132 de pimentas e 68 de cucurbitáceas conservados pela Embrapa, que agora farão parte do maior banco genético do mundo.

“O envio desse material representa a contribuição que o Brasil está dando para a  humanidade”, disse o presidente. “A Embrapa, graças aos bancos ativos de 31 unidades descentralizadas, e ao acervo preservado aqui em Brasilia, no Banco Genético da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, está ajudando a proteger a biodiversidade”, destacou.

Segundo ele, o Banco Genético, de onde foram retiradas as sementes,  é o “o verdadeiro banco central do Brasil”, onde a agricultura pode vir buscar a variabilidade genética para enfrentar pragas e doenças, daí a importância estratégica e de segurança nacional serem muito grandes. “Para isso, contamos com 8.500 colaboradores da embrapa e 2.300 pesquisadores que diuturnamente trabalham para contribuir com a alimentação mais saudável com a redução do preço da cesta básica do brasileiro”, completou. O envio das sementes, na opinião do presidente, dá visibilidade ao Brasil no cenário internacional, e é um esforço adicional de conservação.

Estiveram presentes à preparação do material a chefe da Unidade, Cléria Valadares, e a pesquisadora Rosa Lia Barbieri, que durante os próximos dois anos vai assumir a representação como a primeira mulher brasileira a vai ocupar uma cadeira no Painel Consultivo Internacional (IAP, sigla em Inglês), na gestão do Banco Global de Sementes de Svalbard. Neste período, a Embrapa será a única instituição de pesquisa da América Latina presente no Painel.

Banco norueguês

Criado para funcionar como uma cópia de segurança para conservação a longo prazo das sementes de bancos de germoplasma de todo o planeta, o Banco Mundial de Sementes  está situado no interior de uma montanha e foi planejado para resistir a catástrofes climáticas e explosões nucleares.

As sementes  enviadas pela Embrapa seguem acondicionadas em embalagens aluminizadas hermeticamente fechadas, identificadas com código de barras, e organizadas em caixas plásticas. As caixas serão enviadas pelos Correios até Oslo, na Noruega. De Oslo, seguirão até o arquipélago de Svalbard, no Círculo Polar Ártico. A cerimônia de depósito das sementes terá a presença da Primeira Ministra da Noruega, Erna Solberg, delegados  de vários países e representantes de bancos de germoplasma, e da supervisora de Curadorias de Germoplasma Vegetal da Embrapa, Rosa Lía Barbieri.

O material enviado foi recolhido em bancos de germoplasma mantidos pela Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia (Brasília-DF),  Embrapa Arroz e Feijão (Santo Antônio de Goiás-GO), Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG), Embrapa Clima Temperado (Pelotas-RS) e Embrapa Hortaliças (Brasília-DF). Em 2014 foram enviados pela Embrapa 514 acessos de feijão e em 2012, 264 de milho e 541 de arroz. A iniciativa é decorrente do acordo assinado entre a Embrapa e o Real Ministério de Agricultura e Alimentação da Noruega, em 2008.



More news from: EMBRAPA - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária


Website: http://www.embrapa.br

Published: January 14, 2020

The news item on this page is copyright by the organization where it originated
Fair use notice

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 

SeedQuest on
your smartphone

mobile.seedquest.com

NEWS
JOBS
EVENTS
SOLUTIONS
 
 

  Archive of the news section

 


Copyright @ 1992-2020 SeedQuest - All rights reserved